HomeNotícias2014
2014.06.03

Carlos Barroqueiro eleito para o FTTH Council Europe e para o FTTH Council Global Alliance (FCGA)

 
 

Membro de dois Boards de relevo.

Trata-se do primeiro português a integrar estas organizações a nível internacional, ficando também a seu cargo o Comité de Financiamento de Redes FTTH.

Carlos Carlos Barroqueiro, Presidente e CEO da CBE - Projetos e Engenharia em Telecomunicações (www.cbe.pt), empresa portuguesa líder na construção de Redes de Fibra FTTH (fibre to the home) e Redes Móveis (3G/4G), que tem como principais clientes, e entre outros, a Vodafone, a NOS, a DSTelecom, a Ericsson, a ZTE e a Huawei, foi de novo eleito para um mandato de mais dois anospara o Board do FTTH Council Europe (a maior organização mundial do setor), e também para o Board do FTTH Council Global Alliance (FCGA) que engloba os 5 Councils: Europa, Américas, Ásia-Pacifico, Médio Oriente e África.

Carlos Barroqueiro, licenciado em Engenharia de Sistemas e Computadores pelo IST, é o primeiro português a integrar estes organismos a nível mundial e a assumir funções nos respetivos Boards. Adicionalmente ficou também responsável pelo Comité de Financiamento de Redes de FTTH, cuja função é apoiar e acelerar o desenvolvimento de Redes FTTH (fibre to the home) na Europa.

Recorde-se que Portugal, de acordo com dados de Dezembro de 2013, está no Top 10 do Ranking Europeu FTTH, ocupando o 9º lugar, e ultrapassando países como a Alemanha, o Reino Unido, a França, a Itália, o Luxemburgo e a Espanha, no número de subscritores de serviços sob redes de Fibra Ótica FTTH. O nosso país está também na 15ª posição do Ranking Mundial FTTH. Estes resultados testemunham os 540 mil subscritores de serviços sob redes de fibra ótica que já existiam em Portugal no final do ano passado, e as mais de 2 Milhões de casas passadas.

“A contribuir para este sucesso de Portugal como case study mundial, estão os fortes investimentos em Redes de Fibra FTTH feitos pela Vodafone, pela Portugal Telecom, pela DSTelecom e pela Optimus, a par do pioneirismo da ANACOM ao decidir regular o acesso a condutas e postes através do ORAC e ORAP em 2006, muito elogiado a nível internacional, e que veio facilitar o investimento neste tipo de infra-estruturas. Aliás, congratulo-me pelo facto de a CBE ter estado na génese destes dois instrumentos, na sequência de um trabalho exaustivo que desenvolveu para a ANACOM em 2005,” explica Carlos Barroqueiro, referindo que “as Redes de Fibra FTTH são essenciais para o desenvolvimento económico e têm um impacto direto no PIB. A prová-lo estão iniciativas como a Startup Lisboa, na criação de novas empresas de base tecnológica, e como alavanca na atração de investimento externo para o nosso país. Outro bom exemplo é o protocolo recentemente assinado entre a Startup Braga, a Microsoft Ventures e a ZTE que, há apenas 5 Anos atrás, seria impensável fazer-se a partir de Braga. Também as Redes Rurais em Fibra são um caso pioneiro em Portugal, e mais uma vez um case study internacional, como a Rede da DSTelecom, que levará Banda Larga a mais de 50 Concelhos do interior do país, e na qual a CBE está envolvida,”concluiu o Presidente da CBE.

Carlos Barroqueiro está ligado ao FTTH Council Europe desde 2008 onde tem vindo a desenvolver uma ampla atividade, nomeadamente na organização do evento anual de maior destaque desta organização a nível mundial. Assim, em 2009 presidiu ao grupo de trabalho que organizou a FTTH Conference 2010 Lisbon, com o alto patrocínio da ANACOM, tendo também organizado o painel “The Portuguese Case on FTTH” na sessão de abertura deste prestigiado evento, que reuniu mais de 3.000 conferencistas vindos de 80 países, e mais de 150 jornalistas de todo o mundo durante dois dias no nosso país. Já em 2012 teve a responsabilidade de organizar a sessão de abertura “The Entertainment Industry over the FTTH Era” em Munique; e em 2013 a sessão de abertura da conferência de Londres, subordinada ao tema "The Film and Entertainement Industry in the FTTH Era", e na qual participaram oradores internacionais vindos de Hollywood como William Fay – Produtor Executivo: The Independence Day, 300, The Hangover; Mitch Singer - Vice President da SONY (Ultraviolet); e Ian Livinsgton - Eidos Life President (Tomb Raider - Lara Croft).


Publicação:
 ITChannel - 03 de Junho de 2014.


2014.06.03

Carlos Barroqueiro no Board do FTTH Council Europe e do FTTH Council Global Alliance

 

Primeiro português a integrar estas organizações.

O líder da CBE votou a ser eleito para um mandato de mais dois anos para o Board do FTTH Council Europe e para o Board do FTTH Council Global Alliance, que engloba os cinco Councils: Europa, Américas, Ásia-Pacifico, Médio Oriente e África. Trata-se do primeiro português a integrar estas organizações a nível internacional, ficando também a seu cargo o Comité de Financiamento de Redes FTTH.


Carlos Barroqueiro é Presidente e CEO da CBE - Projetos e Engenharia em Telecomunicações, empresa portuguesa líder na construção de redes de fibra FTTH (fibre to the home) e redes móveis (3G/4G), que tem como principais clientes a Vodafone, NOS, DSTelecom, Ericsson, ZTE e Huawei, entre outros. Este responsável voltou a ser eleito para um mandato de mais dois anos para o Board do FTTH Council Europe (a maior organização mundial do setor), e também para o Board do FTTH Council Global Alliance (FCGA) que engloba os cinco Councils: Europa, Américas, Ásia-Pacifico, Médio Oriente e África.

Licenciado em Engenharia de Sistemas e Computadores pelo IST, é o primeiro português a integrar estes organismos a nível mundial e a assumir funções nos respetivos boards. Adicionalmente, ficou também responsável pelo Comité de Financiamento de Redes de FTTH, cuja função é apoiar e acelerar o desenvolvimento de redes FTTH na Europa.

Portugal, de acordo com dados de dezembro de 2013, está no top 10 do Ranking Europeu FTTH, ocupando o 9º lugar, e ultrapassando países como a Alemanha, o Reino Unido, a França, a Itália, o Luxemburgo e a Espanha, no número de subscritores de serviços sob redes de fibra ótica FTTH. E está também na 15ª posição do Ranking Mundial FTTH. Os resultados testemunham os 540 mil subscritores de serviços sob redes de fibra ótica que já existiam em Portugal no final do ano passado e os mais de dois milhões de casas passadas.

"A contribuir para este sucesso de Portugal como case-study mundial estão os fortes investimentos em redes de fibra FTTH feitos pela Vodafone, pela Portugal Telecom, pela DSTelecom e pela Optimus, a par do pioneirismo da Anacom ao decidir regular o acesso a condutas e postes através do ORAC e ORAP em 2006, muito elogiado a nível internacional, e que veio facilitar o investimento neste tipo de infraestruturas. Aliás, congratulo-me pelo facto de a CBE ter estado na génese destes dois instrumentos, na sequência de um trabalho exaustivo que desenvolveu para a ANACOM em 2005", explica Carlos Barroqueiro.

O mesmo responsável refere que "as redes de fibra FTTH são essenciais para o desenvolvimento económico e têm um impacto direto no PIB. A prová-lo estão iniciativas como a Startup Lisboa, na criação de novas empresas de base tecnológica, e como alavanca na atração de investimento externo para o nosso país. Outro bom exemplo é o protocolo recentemente assinado entre a Startup Braga, a Microsoft Ventures e a ZTE que, há apenas cinco anos atrás, seria impensável fazer-se a partir de Braga. Também as redes rurais em fibra são um caso pioneiro em Portugal, e mais uma vez um case-study internacional, como a rede da DSTelecom, que levará banda larga a mais de 50 Concelhos do interior do país, e na qual a CBE está envolvida", concluiu o Presidente da CBE.

Carlos Barroqueiro está ligado ao FTTH Council Europe desde 2008, onde tem vindo a desenvolver uma ampla atividade, nomeadamente na organização do evento anual de maior destaque desta organização a nível mundial. Assim, em 2009 presidiu ao grupo de trabalho que organizou a FTTH Conference 2010 Lisbon, com o alto patrocínio da Anacom, tendo também organizado o painel "The Portuguese Case on FTTH" na sessão de abertura deste evento, que reuniu mais de três mil conferencistas vindos de 80 países, e mais de 150 jornalistas de todo o mundo durante dois dias no nosso país. Já em 2012 teve a responsabilidade de organizar a sessão de abertura "The Entertainment Industry over the FTTH Era" em Munique, e em 2013 a sessão de abertura da conferência de Londres, subordinada ao tema "The Film and Entertainement Industry in the FTTH Era", e na qual participaram oradores internacionais vindos de Hollywood como William Fay - Produtor Executivo: The Independence Day, 300, The Hangover; Mitch Singer - Vice President da SONY (Ultraviolet); e Ian Livinsgton - Eidos Life President (Tomb Raider - Lara Croft).


Publicação:
 APDC - 03 de Junho de 2014.

2014.06.02

Carlos Barroqueiro reeleito para conselho da FTTH

O presidente da CBE, Carlos Barroqueiro, foi reeleito membro do conselho da Europa e do conselho mundial da fibra óptica (FTTH) por mais dois anos. É o único português nesta instituição.

Portugal vai continuar representado no organismo mundial responsável pelas redes de fibra (FTTH). O presidente da CBE, Carlos Barroqueiro, foi reeleito para o conselho europeu e para o conselho mundial da FTTH por mais dois anos, de acordo com o comunicado enviado às redacções pela empresa de projectos e engenharia em telecomunicações esta segunda-feira, 2 de Junho.

Além dos cargos nos conselhos europeu e mundial, Carlos Barroqueiro também vai ser o responsável pelo comité de financiamento de redes da instituição. O objectivo deste departamento é apoiar e acelerar o desenvolvimento das redes de fibra na Europa.

Carlos Barroqueiro é licenciado em Engenharia de Sistema e Computadores pelo Instituto Superior Técnico (IST) e está ligado ao conselho da Europa da FTTH desde 2008.

Portugal está em nono lugar no "ranking" europeu da FTTH em relação ao número de subscritores sob redes de fibra óptica. A nível mundial, o país está no 15.º lugar. Há 540 mil assinantes desta oferta.


Publicação:
Jornal de Negócios - 02 de Junho de 2014.

1::2
seguinte
última
registos 7 de 9
2020 © CBE. Todos os direitos reservados |4ITFUTURE